BITWAY e CEPEDI investem em modding

Nossa região esteve presente na Campus Party Brasil 2009, na área de modding através de Maciel Barreto, de Itajuípe, que expôs o seu robô Morphius, um dos grandes sucessos do evento, que atraiu atenção dos participantes e da mídia de uma forma geral.

robo-bitway-4

O modding – modificação, em português – é um movimento em tudo semelhante ao tuning, mas aplicado em computadores e não em carros. Tal como no tuning, o espírito do modding é criar algo único, pessoal e de preferência mais eficiente que o original. O modding pode ser algo apenas estético como ventoinhas de cores, neons, caixas totalmente modificadas, ou algo para melhorar a eficácia, como arrumação de cabos ou aberturas maiores ou extras para novas ventoinhas em locais estratégicos.

Jauberth Weyll Abijaude, Diretor Executivo do CEPEDI – Centro de Pesquisas e Desenvolvimento Tecnológico em Informática e Eletro-eletrônica de Ilhéus diz que o objetivo principal do CEPEDI e da BITWAY em se trabalhar com modding é iniciar as pesquisas na área de modelagem, pois alguns dos investidores já sinalizaram a intenção de apresentar um novo design para os seus produtos.

Maciel Barreto já havia participado da edição 2008 da Campus Party, onde ganhou os prêmios de MELHOR CASE e CASE MAIS CRIATIVO, o que o levou a ser convidado para Participar da Campus Party Íbero-América no final do ano passado.

Para o projeto de 2009, Barreto contou com a participação da BITWAY COMPUTADORES e do CEPEDI de duas maneiras: financeira e tecnicamente. Financeiramente, adquirindo os materiais necessários para a fabricação do Morphius, uma vez que Maciel partiu do zero, e também todo o hardware do computador. Tecnicamente, Maciel teve à sua disposição as instalações do BitLab, Laboratório de Pesquisa e Desenvolvimento que a BITWAY instalou no CEPEDI e onde são realizados desenvolvimentos, testes e simulações, necessários à realização dos Projetos de Pesquisa da Empresa, objetivando a melhoria dos seus processos e produtos.

robo-bitway-1

A BITWAY investiu em torno de R$ 20.000,00 durante os 6 meses de duração do projeto e como fruto deste trabalho espera, no futuro, lançar no mercado, Unidades Digitais de Processamento com novos designs e utilizando materiais diferenciados. Já o CEPEDI, com a visibilidade que o projeto já vem conseguindo, espera captar novos investidores interessados em desenvolver projetos desta natureza, podendo desta forma aprofundar as suas pesquisas em modelagens para a área de Tecnologia da Informação, envolvendo novos conceitos e equipamentos com designs e materiais diferenciados.

robo-bitway-3

Anúncios

2 Responses to BITWAY e CEPEDI investem em modding

  1. marta disse:

    Achei incrivel a façanha do conterrâneo…
    E eu que fico brigando com os recursos mais elementares do PC.

  2. […] Na Campus Party 2010, o CEPEDI e a BITWAY estão presentes através do designer Maciel Barreto, que pela segunda vez leva uma peça na categoria modding (modelagem de computadores). No ano passado com o casemod Morphius: […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: